Like A Girl

Pushing the conversation on gender equality.

Code Like A Girl

Hadoop ou Bancos de Dados Relacional?

https://www.flickr.com/photos/wocintechchat/

Sempre que emerge uma nova tecnologia emerge também uma tendência a menosprezar as tecnologias existentes anteriormente. Tenho visto isso com . relação ao Hadoop e os Bancos de Dados Relacionais (BDR), e por isso resolvi compartilhar alguns pensamentos.

Juro que não estou escrevendo como uma DBA apaixonada, que teve os sentimentos feridos ao ler e ouvir criticas aos bancos de dados relacionais…

Em primeiro lugar o Hadoop não é um banco de dados, embora dados possam ser armazenados nele, ele é um framework para processar grandes quantidades de dados. É composto pelo HDFS, um sistema de arquivos distribuído, e pelo Map Reduce, que é uma camada de computação distribuída.

Isso por si só já mostra que a comparação é questionável, mas vamos continuar…

É sempre bom analisar as características do Hadoop e dos BDR e ver qual deles possui as características relevantes para o seu projeto, o objetivo é extrair o melhor dos dois mundos.

O que o Hadoop tem de bom?

  • Código aberto;
  • Processamento em batch;
  • Utiliza hardware commodity;
  • Trata com maestria grandes quantidades de dados, principalmente não estruturados e semi estruturados;
  • Um grande ecossistema (várias ferramentas que podem ser usadas com ele);
  • Tem o funcionamento excelente quando os dados são gravados e não são alterados.

E os BDR o que tem de bom?

  • A linguagem SQL ( ❤);
  • O suporte a transações e por consequência suporte às propriedades ACID (atomicidade, consistência, isolamento e durabilidade);
  • O suporte ao processamento interativo;
  • Armazena principalmente dados estruturados, ou seja, que possuem um esquema definido;
  • Utiliza servidores potentes;

Para os profissionais de Arquitetura de Dados, os desafios estão ficando cada vez mais interessantes. Saímos do tempo onde modelávamos o banco de dados e acabava aí a nossa atuação. Agora é preciso analisar as características dos dados, por exemplo:

  • seu volume;
  • como eles serão usados;
  • como serão acessados;
  • requisitos de segurança;
  • requisitos de integridade referencial;
  • E etc…

E só depois afirmar onde os dados serão armazenados.

Desta forma, não há como afirmar que os BDR são melhores que o Hadoop ou vice versa. Primeiro porque são diferentes, segundo porque são usados em situações diferentes, e terceiro porque devem “conviver juntinhos” por muito tempo. Sendo assim é bom abrir espaço no coração e gostar dos dois.

Até a próxima!!!

@DanMonteiroDBA

Siga a tag codelikeagirlBR para ver nossos posts! 😀

Quer escrever ou traduzir artigos em português para a Code Like A Girl? Se você já faz parte do time de escritoras(es) da Code Like A Girl basta enviar seu artigo diretamente para nossa publicação. Se você ainda não faz parte do nosso time, envie uma mensagem direta para a conta de twitter CodeLikeAGirlBr. Nós avaliaremos seu artigo e ajudaremos a refiná-lo para publicação.