Like A Girl

Pushing the conversation on gender equality.

Code Like A Girl

Mulheres como maioria em um hackathon?

O modelo que possui exclusivamente estudantes e profissionais da computação nos eventos de tecnologia está ficando ultrapassado? Nos últimos anos, o cidadão se aproxima da tecnologia e quer – juntamente com equipes de programadores, designers e desenvolvedores com temas diversos em hackatons – procurar soluções de mobilidade, meio ambiente, saúde… O verbo hackear ampliou semanticamente o seu campo, e hoje é um verbo usado de forma corrente.

O novo hacker reflete sobre usabilidade, cidadania e segurança para todos — lembrando que existem sempre discussões sobre os limites, mas os hackers querem democratizar um direito básico, acesso à informação, enquanto os crackers querem lucro financeiro com invasão de equipamentos, destruição e espionagem de projetos alheios, roubar senhas de cartões de crédito ou outros para lucro financeiro.

A foto que ilustra o texto foi de um hackaton com participação de 80% de mulheres. As equipes vencedoras apresentaram soluções para para auxiliar pessoas idosas a dominar tecnologias básicas; plataforma digital direcionada a médicos com vídeos, artigos e leis para auxiliar o profissional no atendimento aos transgêneros; atendimento na gravidez pela internet com histórico da paciente, e possibilidade do profissional de saúde fazer acompanhamento da gestação online.

Outro ponto importante para quem está na indústria: com a ampliação do público que utiliza as tecnologias e seus produtos é crucial evitar os gaps de gênero, raça, sociais e econômicos — que pela falta de diversidade nas equipes de trabalho causou milhões de dólares em prejuízo.

http://convergecom.com.br/tiinside/16/03/2017/mulheres-representam-apenas-7-dos-profissionais-em-seguranca-da-informacao-no-brasil/

https://www.recode.net/2017/1/18/14304964/data-facial-recognition-trouble-recognizing-black-white-faces-diversity

http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/CIENCIA-E-TECNOLOGIA/511957-HACKATHON-LEGISLATIVO-MUNDIAL-RESULTA-EM-NOVE-PROJETOS-SOBRE-TRANSPARENCIA-NO-LEGISLATIVO.html

Rose Cavalcante, do Coletivo Bucaneiras dá seu depoimento:

“Eu nunca havia participado de um hackathon, e queria testar a minha habilidade, então decidi participar do Women’s Health Tech Weekend, promovido por um coletivo feminino, pois já tinha ouvido sobre a dificuldade que as mulheres enfrentam nesses eventos por serem minoria. Apesar de o tema ter sido saúde da mulher, não havia restrição quanto à participação de homens. Conversei com algumas outras garotas, e muitas delas também estavam participando pela primeira vez. Creio que assim como eu, se sentiram à vontade pelo fato deste hackathon ter sido promovido por mulheres.”

Saiba mais: O evento sobre saúde foi organizado pela UP(W)IT — Unlocking the Power of Women In Technology — que estimula o protagonismo feminino na área de tecnologia por meio da criação de experiências e com apoio das comunidades: Maria [Lab], Luluzinhacamp, #MinasProgramam, Codamos, PaulistaHack, Desprograme, WoMakersCode, PHPWoman, Pluralidade, progra{m}aria, Think up.

Existem outras iniciativas que incentivam diversidade — pessoas com outros perfis a utilizar tecnologias e participar da área tecnológica como profissionais: Indique uma Mina- TI, Pyladies Brasil

http://findingada.com/about/history-of-ada-lovelace-day/

https://www.facebook.com/groups/mulheresti/

https://www.facebook.com/InfoPreta/

https://www.facebook.com/pg/projetotutoras/

Reportagens sobre o evento de tecnologia e saúde nas revistas Saúde Business e Saúde. Conheça novas linguagens e diferentes formas de competição nos hackathons.

Siga a tag codelikeagirlBR para ver nossos posts! 😀

Quer escrever ou traduzir artigos em português para a Code Like A Girl? Se você já faz parte do time de escritoras(es) da Code Like A Girl basta enviar seu artigo diretamente para nossa publicação. Se você ainda não faz parte do nosso time, envie uma mensagem direta para a conta de twitter CodeLikeAGirlBr. Nós avaliaremos seu artigo e ajudaremos a refiná-lo para publicação.